Projetos Parceiros

(clica nos formulários para veres se os projetos se encontram a recrutar de momento)

A Avó Veio Trabalhar

A Avó Veio Trabalhar é um projeto de aprendizagem, partilha e empoderamento, que através de mão-de-obra artesanal e design, aumenta o poder de intervenção na sociedade dos seniores. É uma hub criativa intergeracional, onde os laços sociais e emocionais são tricotados na comunidade local e onde os mais velhos podem ser eles próprios.

A MAIS faz parceria com a Avó Veio Trabalhar, através da participação dos seus voluntários na realização de tarefas artesanais e criativas, para a venda de produtos por parte da Avó. Os voluntários têm de se apresentar no espaço da A Avó Veio Trabalhar, com a periodicidade a ser definida de acordo com a disponibilidade do voluntário, e participar nas atividades e tarefas que lhe forem propostas pelas avós.

Vizinho Amigo

O Vizinho Amigo é um movimento criado no início da pandemia com o principal objetivo de ajudar populações do grupo de risco nas suas compras diárias, impedindo assim que estas estejam mais sujeitas ao vírus. São um movimento feito de pessoas dinâmicas, com um grande sentido de comunidade e com uma grande vontade de ajudar o próximo, e de pessoas especiais, que lutam contra todas as dificuldades criadas pela pandemia.

 

A MAIS iniciou parceria com o Vizinho Amigo no distrito de Lisboa, mas, entretanto, permite que os seus voluntários trabalhem com os diferentes núcleos distritais do país, de acordo com a preferência do voluntário.

O voluntariado irá consistir, primeiramente, na distribuição de cartazes junto dos supermercados e das juntas de freguesia para que a partir daí as pessoas se possam inscrever. Depois deste processo, o voluntário poderá começar a entrar em ação, ao ajudar as pessoas inscritas nas suas compras.

Entre Idades

A Entre Idades é uma instituição de solidariedade social, que oferece para a população com idade igual ou superior a 65 anos, respostas nas áreas: Atendimento Psicossocial, Cuidados de Saúde Domiciliários, Animação Sociocultural, e Literacia Social e em Saúde.

 

A MAIS faz parceria com a área social da Entre Idades, isto é, trabalham em conjunto na promoção de experiências e contactos que promovam um impacto social positivo na vida das pessoas idosas.

O trabalho de um voluntário do I+S no projeto Entre Idades é o de contactar telefonicamente 1 a 3 idosos semanalmente, com o intuito de conviver com estes e de fomentar emoções, sentimentos e memórias positivas.

CASA 

O CASA (Centro de Apoio ao Sem Abrigo) é uma instituição de solidariedade social, que oferece apoio à população em situação de sem-abrigo, a famílias de risco e a famílias carenciadas.

As suas atividades passam por distribuir refeições quentes, cabazes alimentares, vestuário, cobertores, sacos de cama, produtos de higiene, fornecer assistência psicológica, encaminhar para o apoio de saúde primária e apoiar na reinserção social.

A MAIS uniu-se com o CASA para que os nossos voluntários possam participar nas diversas tarefas disponíveis na instituição. Os voluntários poderão escolher um dos horários definidos previamente (associado a uma das tarefas), e participar semanalmente ou quinzenalmente, sempre no mesmo dia da semana e no mesmo horário.

Casa da Estrela 

A Casa da Estrela é a casa de acolhimento do Centro de Promoção Juvenil. É uma residência permanente, que tem com objetivo orientar os processos de integração social das jovens acolhidas, com fundamentação nos projetos de vida criados para cada uma pela equipa técnica.

Os voluntários da MAIS que participem neste projeto, serão explicadores dos jovens da casa de acolhimento, nas disciplinas que decidirem escolher. As explicações serão dadas individualmente, ou a grupos de 2 pessoas no máximo, a jovens entre os 12 e os 20 anos, e poderão decorrer em formato presencial ou virtual, de acordo com a preferência do voluntário.

Refood 

A Refood é uma organização independente, orientada por cidadãos, 100% voluntária, uma comunidade de caridade eco-humanitária, que trabalha para eliminar o desperdício de alimentos e a fome em cada bairro. Opera na e para a comunidade, trabalhando sem salários e evitando todo e qualquer custo ou investimentos que não servem a sua missão. Tem um modelo de baixo custo/alta produtividade que melhora a qualidade de vida das pessoas carenciadas, enquanto reforça o tecido social da comunidade local.

 

A MAIS uniu-se com a Refood para que os nossos voluntários possam desempenhar funções, internamente (pertencer a um grupo de trabalho/departamento) ou regularmente (apoiar no centro de operações, recolher alimentos, entregar ao domicílio). Dependendo da função a que for atribuído, espera-se que o voluntário faça 2 a 3 horas semanais na organização.